Livro barato é no SubMarino

2 de set. de 2021

#TerradeLucasInformação - Instituto MRV está com inscrições abertas para projetos educacionais

Inscrições para o programa do Instituto MRV, que vai investir R$ 1 milhão em projetos educacionais, se encerram no dia 10 de setembro 

A 8ª edição do Educar para Transformar contemplará cinco projetos de Organizações da Sociedade Civil que visam mitigar os impactos causados pela pandemia na educação básica do País; cada uma das iniciativas selecionadas receberá um aporte de R$ 200 mil para desenvolverem as suas atividades no período de dois anos  

Os impactos negativos causados pela pandemia da Covid-19 na educação brasileira podem ser graves e duradouros, é o que aponta o relatório do Banco Mundial que analisou a educação dos países da América Latina e Caribe. Para contribuir com o atual momento da educação, portanto, o Instituto MRV, em sua 8ª edição do programa Educar para Transformar, vai investir R$ 1 milhão em projetos de Organizações da Sociedade Civil que busquem fortalecer o ensino e mitigar os abismos educacionais ocasionados pelo último ano e meio de pandemia. As inscrições para a chamada pública se encerram no próximo dia 10 de setembro de 2021.


 


Este ano (2021), as iniciativas devem desenvolver suas atividades com os professores, que aplicarão o conhecimento adquirido nos estudantes. Estes, por sua vez, serão protagonistas de um projeto que solucionará alguma problemática da escola ou da comunidade a qual pertencem. O Instituto MRV também incentiva as organizações a desenvolverem um produto ou serviço, ou aperfeiçoarem algo já existente, que contribua com a captação de recursos para a própria organização, promovendo sustentabilidade financeira e maior autonomia para a continuidade de suas atividades. 


Nesta 8ª edição, além do aporte financeiro, os projetos receberão capacitações e acompanhamento do Instituto MRV por dois anos, que contemplam comunicação, gestão, pessoas, comercial e social. Também serão disponibilizados os conteúdos do Instituto iungo, para auxílio no desenvolvimento dos professores, além de consultorias individuais e em grupo. Os projetos serão acompanhados de perto por um líder da equipe da MRV – esse profissional dará todo o suporte no desenho do planejamento estratégico, na execução e adaptação de cada atividade.

 

“Acreditamos na transformação por meio da educação e este ano não poderíamos deixar de lado os impactos causados pela pandemia. Estamos em busca de boas ideias e de projetos que impactem positivamente o ambiente escolar nos mais diversos contextos, promovendo a escola como comunidade de aprendizagem e fortalecendo as práticas pedagógicas dos professores por meio das Metodologias Ativas, que destaca o estudante como protagonista do seu próprio aprendizado”, explica Eduardo Fischer, presidente do Instituto MRV.

 

Desde 2014, o Instituto MRV promove a transformação social por meio de iniciativas educacionais para crianças, jovens e educadores, e o Educar para Transformar é um de seus principais programas. Até 2020, as 7 edições passadas já tiveram 3.699 propostas inscritas, 46 projetos vencedores, 54 mil beneficiados diretamente, mais de R$ 3,2 milhões investidos.

 

As inscrições podem ser feitas aqui. Cada proposta será avaliada de acordo com critérios exigidos no edital por uma comissão formada pelos voluntários do Instituto MRV. Posteriormente, as melhores propostas são publicadas para uma votação popular, permitindo que os idealizadores mobilizem suas redes e comunidades a participarem da escolha do que melhor as representa. Por fim, as propostas mais bem votadas participam do Educar para Transformar.

 

Sobre o Instituto MRV

O Instituto MRV acredita que os primeiros passos para trilhar um futuro com mais oportunidades estão diretamente ligados ao poder transformador da educação. Por isso, desde 2014, o braço social da MRV & CO desenvolve e apoia importantes programas e projetos, que têm como essência oferecer possibilidades ainda maiores na área da educação. Com 1% do lucro líquido da companhia destinado para essas ações, já foi possível proporcionar oportunidades de um futuro melhor para mais de 1 milhão de pessoas em seis anos.


Enviado por Juliana Vital 

Fonte: Comunicativa Associados 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente aqui