Livro barato é no SubMarino

28 de jul. de 2021

#TerradeLucasTurismo - Festival Internacional de Música de Cambrils terá a 46ª edição em 2021 sob protocolos em dez dias de música e emoção




"Tudo pronto para a chegada do grande dia! Ao Festival Internacional de Música de Cambrils temos todos pronto: artistas, concertos e os protocolos covid-19 para um show seguro. 🎶 🎶

➡ PROTOCOLO COVID-19 1. Acesso obrigatório e estadia no concerto com máscara facial FFP2. 2. No acesso ao Festival, a temperatura corporal será medida com termômetro para infravermelho. 3. Pontos de dispensa de gel hidroalcoólico. 4. No passeio do festival, serão colocados posters de informações de prevenção. 5. A distância social de 1,5 m será mantida em todos os momentos. Obrigado pela sua colaboração!




Informações por Whatsapp


PROGRAMAÇÃO




 



 




 


"Somos a Br Music Live, uma promotora musical com mais de 25 anos de experiência na indústria de música ao vivo. Tem sido um verdadeiro desafio para nós conseguir organizar o 46º FIMC, tanto para as medidas do COVID-19 como para as restrições de capacidade. No entanto, abraçamos o projeto com grande entusiasmo. Estamos entusiasmados por fazer parte da história deste festival, que nos apaixonou por todo o seu percurso. Nesta edição queríamos voltar no tempo, e torná-lo mais de Cambrils para fazer um festival mais Cambrils do que nunca. Esperamos que você goste tanto quanto nós, de coração e emoção!


L'equip BR Music Live

MAIS INFORMAÇÕES:  WWW.BRMUSICLIVE.COM"


O FESTIVAL


O FESTIVAL INTERNACIONAL DE MÚSICA DA CÂMARA DE CAMBRILS  Este é o nome do festival quando teve início em  1974 , com a ajuda do violoncelista José Maria Redondo e contou com o apoio da Câmara Municipal desde o seu início.

Desde o primeiro ano que este festival recebeu o apoio da Câmara Municipal, foi mais um apoio moral do que económico. Os espaços do primeiro festival foram: A Ermida da Virgem do Caminho, a Paróquia de Sant Pere e o Parque Samà

Mas ao longo dos anos foram incorporando novos ambientes: a igreja de Santa Maria de Vilafortuny, o Castelo de Vilafortuny e posteriormente até outros concelhos. 

Em  1979  o festival voltará a focar em Cambrils organizado entre 7 e 25 de julho, o festival não poderia ser realizado no Parc Sama e estiveram por trás de vários shows em Pinaret Sr. Carles Roig.

Em  1980  o festival mudou seu nome para  CAMBRILS INTERNATIONAL MUSIC, DANCE AND THEATRE FESTIVAL CAMBRILS.

Como é evidente, outras modalidades artísticas foram introduzidas durante o festival.

1981  muda o nome do festival novamente e se torna o  FESTIVAL INTERNACIONAL DE MÚSICA DE CÂMARA

2004  Câmara Municipal de Cambrils assume a direção do Festival, que foi assumido pela Sra. Gemma Massagué Casas, diretora e chefe do Departamento de Cultura e assume a atual denominação  CAMBRILS INTERNATIONAL MUSIC FESTIVAL.  

Em  2012,  os concertos de grande formato foram instalados definitivamente no Parc del Pinaret, local que permitiu a este evento estar mais próximo da cidade e dos seus habitantes.

Ao longo dos anos, grupos musicais de alto nível e artistas de renome internacional passaram pela cidade e deram a conhecer a cidade. 

A partir de 2014, o show será administrado por uma empresa externa. As empresas que dirigiram o festival foram Publiolimpia SA, Concert Studios e atualmente BRmusiclive 

Ao longo dos anos, o festival foi organizado usando vários f ou fórmulas: desde o início, quando artistas convidados passavam os dias como casas de hóspedes cambrilencs e não adquiridos em troca de casa e comida, passando pela contratação de grupos que atuam em troca de um caixa. 

Vai contratando grupos que atuam em troca de um cache.

A Câmara Municipal de Cambrils quer promover a realização do festival por entender que a gestão deste tipo de festivais é cada vez mais complexa e que a associação sozinha não pode ir adiante. Esperamos melhorar, contanto que tenhamos a colaboração de todas as partes interessadas trabalhando juntas para atingir os objetivos.

O Festival é uma referência cultural nos nossos concelhos, e fora deles, e ao longo dos anos tem trabalhado para uma melhor divulgação da música clássica, mas tem-se tornado mais aberto a outras correntes artísticas, como a dança ou por vezes até o teatro.

Os destaques incluem figuras do nível de Montserrat Caballé, violonista Narcíso Yepes., E o dançarino Antonio Canales mais recentemente, entre muitos outros. 

Orquestras como: Orquestra Nacional da França, Câmara da Comunidade Europeia, Solistas de Zagreb, etc.

ARTISTAS EXCEPCIONAIS DO FESTIVAL DE MÚSICA INTERNACIONAL DE CAMBRILS (2013-2019)

Sara Baras - MOMO Tributo a Queen - Els Pets - Fangoria - Rozalén - Àlvaro Soler - Diego El Cigala - Vanesa Martín - SAU 30 - Rosário - Adexe & Nau - Kase. 0 - Filha da Lua, homenagem a Mecano - Jorge Drexler - Miguel Poveda - David Bisbal - Juanes - SuecaCalifórnia - La Pegatina - Bunbury - Legado de Michael - Tom Jones - Rosana - Gemeliers - ABBA Thenewexperience - Love of Lesbian - Bertín Osborne - Robe - Jarabe de Palo - Roger Hodgson of Supertramp - Manuel Carrasco - Estopa - Manel - Julio Iglesias - Josep Carreras - Raphael - Sopa de Cabra - Víctor Manuel, Ana Belén, Miguel Ríos e Joan Manel Serrat, O sabor é nosso - Antonio Orozco - Malú - Alejandro Sanz - Tribut a Bruce Springsteen - Juan Luís Guerra - Coral Verge del Camí,Réquiem de Mozart - VillagePeople - Miguel Bosé - Sopa de Cabra - Pasión Vega - El Barrio - Juan Magan - Auryn - José Mercé - Montserrat Caballé e Montserrat Martí - Bill Wyman - Marta Sánchez e Gloria Gaynor - Orfeón Donostiarra - Ainhoa ​​Arteta - Super Club 3 - Bernat Font Trio - TheSeySisters - Antònia Font - Men G - Octavi Martínez e Astrid Steinschaden - Franca Masu - Coral Verge del Camí, CarminaBurana 

🎫 Ingressos em https://bit.ly/3xd547I


Fonte: https://www.festivaldecambrils.com/ 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente aqui