Livro barato é no SubMarino

19 de jan. de 2020

#Cabuçu, praia de Feira de Santana.



Todo lugar importante tem uma parte de seu território ultramarino. A França tem vários, como a Guiana Francesa, os Estados Unidos da América, tem o Alaska e Havaí, e seguindo essa mesma linha, Feira de Santana não podia ficar de fora. Feira de Santana também tem seu Território ultramarino, a Praia de Cabuçu, apelidada carinhosamente por Cabucity, o lugar que no verão tem mais feirenses que na própria Feira de Santana... Se você sair de uma região central de Feira, como das mediações do Palace Hotel, percorrerá de carro por 95 km até chegar na praia mais cobiçada pelos feirenses, uma espécie de “Cote d’azur” da Princesa do Sertão.

O lugar que é famoso e cobiçado por todas as classes sociais de Feira, pertence oficialmente a #Saubara. Está no lado oposto a Ilha dos Frades, na barra de desembocadura do Rio Paraguaçu, o que deixa a água da praia com uma coloração parecida com a do rio.


Aspectos de higiene são contrariados por quem frequenta, mora e administra o lugar, ainda assim, nota-se milhões de usuários todos os anos.

Saindo do mesmo Palace Hotel em Feira, para a Praia de São Tomé de Paripe, são mais 11 km, para a Praia do Flamengo, são mais 10 km; Itapuã, mais 8 km; Piatã, mais 7 km; Barra, mais 26 km, ou seja, muitas outras praias, excelentes ou iguais a Cabuçu, que são tão pertos quanto ela, então porque o feirense só escolhe Cabuçu?

Antigamente as pessoas diziam que Cabuçu era a mais próxima da cidade, o que é uma mentira: Madre de Deus está há 88 km de Feira, São Francisco do Conde dista 68 km, então a escolha por Cabuçu é cultural, bem definida como Praia do Oi, porque é lá que todos se encontram. É em Cabuçu que amigos têm casas, vizinhos têm terreno e cede para acampar, é em Cabuçu onde se pode mostrar melhor a camionete comprada, ou fazer muita gente de uma só vez ouvir a potência do som do seu carro.

Cabuçu sempre foi e sempre será um lugar de gente alegre, trabalhadora, que enxerga na região o melhor lugar do mundo para relaxar, ver os amigos, conseguir uma paquera e se sentir como em Feira de Santana.

Todo mundo tem uma história em Cabuçu, e quem diz que não, é porque sente vergonha em admitir em público. Eu saí cedo de Feira tenho! Acho que fui lá umas três vezes e uma delas foi a primeira vez que tomei um porre de vinho doce barato, porque nos embalos daquele sábado à noite, era tudo que tinha lá pra beber... Se eu fosse Prefeito de Saubara, tombaria de forma simbólica a Praia de Cabuçu, como Território Ultramarino de Feira de Santana, com um acordo de cooperação financeira, é claro...rs! — em Praia de Cabuçu.

Texto de Carlos Pires @champbrasil usado com permissão no Instagram @feiradesantana.


Fonte: @feiradesantana no Instagram

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente aqui