FNO

8 de mar de 2018

Das Marias do Sertão



Ilustração – “A visita de Coco Chanel a Maria Bonita” do Mestre Rogério Fernandes. Disponível em: https://www.pinterest.pt/borges6354/outros-desenhos-1/

Das Marias do sertão,
Tinha Maria Bonita,
Tinha Maria Jovita,
Tinha Maria João,
Era Maria de montão,
Tinha Maria Quitéria,
A Maria Eleotéria,
A Maria das Dores,
A Maria dos Amores,
Tudo Maria, Séria!


Já tinha Maria Presepeira,
A Maria Sem Vergonha,
Tinha Maria Antônia,
A Maria Aventureira,
A Maria Namoradeira,
Tinha a Maria de ‘Ciço’,
Maria sem compromisso,
A Maria Desbocada,
Tinha Maria Safada,
Maria, pra tudo isso.



Maria Trabalhadeira,
A dona Maria do Padre,
Dona Maria Comadre,
A tal Maria Trepadeira
Essa era bem fuleira,
Tinha Maria Santinha
Comadre de ‘mainha’,
Que era toda pura,
Tinha Maria Cara Dura
‘Essas Maria, tudo tinha.’


Tinha Maria Banguela
A dona Maria ‘Rezadeira’
Também era benzedeira,
Maria Nariz de Panela,
Tinha Maria donzela
A do corpo perfeito
De bunda e de peito,
Quente feito brasa,
Tinha a Maria Gaza
Que não via direito.


Tinha Maria do Encanto,
A dona Maria Parteira
Que não era brincadeira,
Tinha Maria dos ‘Santo’,
A Maria dos ‘Canto’,
Tinha Maria dos Altar,
As Marias pra Casar,
Tinha Maria Encalhada
Essa era envergonhada,
Nem queria namorar.


Era Maria de todo jeito
E de toda qualidade,
Era Maria de toda idade
Com e sem preconceito,
Todas mulher de peito,
Braúnas do meu sertão,
Irmã para quem é irmão,
Quisesse ver ela “retada”
Fizesse de abestalhada,
Virava mesmo no cão.


Nivaldo CruzCredo

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente aqui

Sua marca no melhor lugar!