22 de abr de 2016

Na semana que antecede a Micareta variedade artística invade a cidade



            
 De escolha de majestades à exposição artesanal ao ar livre. A cultura feirense está oferecendo exibições artísticas diversas na semana anterior à Micareta 2016.

            O frenesi cultural tem tido um crescimento notável em Feira de Santana. Apesar da arte ainda não ter a devida valorização merecida, seja ela no campo das artes plásticas, visuais, dança etc, as iniciativas e espaços têm tido um aumento social expressivo, no que concerne ao número de acontecimentos e eventos.

       
     Prova disso é o momento em que nos encontramos. Em plena semana que precede a Micareta, o que se resumia a lavagens, feijoadas e afins, estendem-se as mais diferentes ocasiões.

            Ontem aconteceu o Esquenta Micareta, prévia micaretesca que já acontece há alguns anos. Esse ano com a novidade da escolha do rei momo, rainha e princesas durante a festa, que acontece ao som de bandinhas e fanfarras. Pela 4ª vez Dilsinho foi eleito Rei Momo e Thaiane Cecília foi escolhida como Rainha.

            O sábado segue movimentado com a Expor Artes, no canteiro da Avenida Getúlio Vargas, a partir das 08h. A exposição exibirá diferentes mostras, desde workshops de turbantes e apresentação de dança até trabalhos manuais e massagem terapêutica. À noite, o Centro de Cultura Amélio Amorim apresenta show de lançamento do disco Ori, do grupo feirense Africania.

            Encerrando o fim de semana, o domingo chega recheado de bons sabores musicais. Três eventos que foram aprovados no edital Agitação Cultural, promovido pela Secretaria de Cultura de Salvador, movimentarão a cidade. Logo pela manhã, O Beco é Nosso apresenta música interligada a outras artes. À tarde o Jam na Cuca exprime sessões ecléticas de jazz, quase ao mesmo tempo em que o Museu de Arte Contemporânea abre suas portas apostando no cenário autoral de Feira de Santana e outras localidades.

            Válido lembrar que todos os eventos citados têm entrada franca. É desfrutar os momentos, entrar no clima e apreciar a arte sem moderação. Que fiquem os melhores registros e lembranças. 

por Laísa Melo

Um comentário:

  1. Dia 24 registra-se ainda os ensaios de Marcionilio intitulados Domingos de Alegria! Pra dançar!! Para o encerramento traz entre os convidados dois icones da musica bahiana a exemplo de Sine Calmon e Alobened. A partir das 19h no Mandala Bar que tem sido cenário desse e outros eventos.

    ResponderExcluir

Comente aqui

FNO

Sua marca no melhor lugar!