Agora

Mostra da Diversidade Cultural: Imagens da Cultura Popular 2021 destaca projetos feirenses em evento de encerramento

 

O evento, que traz os premiados da Edição 2021 pelo programa Belgo Bekaert Forma e Transforma, ocorrerá de 16 a 20 de março de 2022, através do canal da ONG Favela É Isso Aí no YouTube.


Os sete contemplados na categoria projetos experientes no último edital da Mostra da Diversidade Cultural: Imagens da Cultura Popular apresentarão suas produções nos próximos dias 16, 17, 18, 19 e 20 de março de 2022, sempre a partir das 19h, através do canal oficial da ONG Favela É Isso Aí no YouTube - www.youtube.com/favelaeissoai - literatura, música, dança, moda, circo e gastronomia fazem parte da programação do evento.


Veja programação completa clicando aqui

A Mostra Final é fruto do edital lançado em julho de 2021, que contemplou 20 projetos culturais de Feira de Santana sendo sete da Categoria I – projetos experientes e 13 na Categoria II – projetos iniciantes. A Mostra faz parte do Programa Belgo Bekaert Forma e Transforma, da Fundação ArcelorMittal, em parceria com a ONG Favela é Isso Aí.

“Chegamos ao final de mais uma Mostra da Diversidade e estamos muito satisfeitos com os resultados. Este ano, tivemos mais de 190 inscritos, foi um grande desafio para os curadores selecionarem os projetos. Tanto a quantidade de inscritos quanto as produções finais dos projetos contemplados são exemplos muito potentes e representam muito bem a diversidade cultural feirense”, comemora Clarice Libânio, coordenadora da Mostra.

A Mostra foi pioneira em Feira de Santana em adaptar o edital para uma versão que respeitasse o momento pandêmico. Este ano, mesmo com autorizações para eventos presenciais, os organizadores mantiveram o formato mais seguro, com pouquíssimas ações presenciais e com a Mostra das produções totalmente online. Dos 20 projetos inscritos, apenas dois foram realizados presencialmente: o projeto “Ação Social Caminhos da Felicidade” e o Circuito Moviafro, enquanto os demais ocorreram de forma totalmente online ou em formatos híbridos.

Tamylla Rosa, responsável pela comunicação da Belgo Bekaert Feira de Santana, destacou a importância da Mostra para Feira de Santana. “Este ano ficou ainda mais evidente o quanto a Mostra da Diversidade Cultural é importante para nosso município, não só para os produtores experientes, mas também para os produtores iniciantes que desejam crescer e fazer com que a cultura de Feira seja a cada dia mais e mais valorizada. Este ano, 13 projetos iniciantes foram acolhidos e mostraram a qualidade de suas produções, que precisavam apenas de apoio para serem realizadas, e isso a Mostra proporcionou”.

A Mostra Intermediária, com todos os projetos, incluindo os 13 projetos da categoria iniciante, foi realizada entre os dias 24 e 30 de novembro deste ano. Todas essas produções estão disponíveis no canal oficial da ONG no YouTube.

Saiba mais sobre a Mostra da Diversidade através do site da ONG Favela É Isso Aí (https://www.favelaeissoai.com.br/mostra-diversidade-cultural/). Acompanhe detalhes sobre a Mostra Final através das redes sociais - @mostraculturafsa – Instagram e Facebook.

 

Sobre a Mostra

A Mostra da Diversidade Cultural: Imagens da Cultura Popular é uma realização da ONG Favela é Isso Aí, Secretaria Especial da Cultura do Ministério do Turismo e Governo Federal, com patrocínio da Belgo Bekaert Arames, viabilizada por meio da Lei Federal de Incentivo à Cultura, e faz parte do programa Belgo Bekaert Forma e Transforma, que propõe o desenvolvimento local por meio da arte e da cultura e, desde 2016, vem apoiando grupos e artistas de diferentes atuações culturais em Feira de Santana.

Cerca de 90 grupos culturais e iniciativas locais já foram contemplados, com repasse de mais de R$ 400.000,00 (quatrocentos mil reais) para os projetos realizados em Feira de Santana, além da oferta de ações formativas e realização de Mostras artísticas e culturais. Esta edição de 2021, assim como a edição de 2020, se adaptou ao formato virtual, em atendimento às demandas dos artistas e grupos culturais frente às dificuldades vividas neste momento de pandemia da COVID-19.

Em 2021, o edital disponibilizou um valor total de R$101.000,00 (cento e um mil reais), distribuídos para 20 projetos, sendo sete propostas de 7.000,00 (sete mil reais) na CATEGORIA I e 13 propostas de 4.000,00 (quatro mil reais) na CATEGORIA II.

 

Sobre o Favela é Isso Aí

Favela é Isso Aí é uma associação que surgiu como fruto do Guia Cultural de Vilas e Favelas, idealizado pela antropóloga Clarice Libânio e publicado em agosto de 2004. A organização foi criada com o objetivo de proporcionar a construção da cidadania a partir do apoio e divulgação das ações de arte e cultura das periferias, além de promover geração de renda para os artistas, melhorar as condições do fazer artístico e acesso ao mercado cultural.

 

Sobre o programa Belgo Bekaert Forma e Transforma

Há mais de uma década, o programa Forma e Transforma atua em prol do desenvolvimento da cultura local, promovendo a formação artística e empreendedora, além de valorizar o patrimônio das localidades e estimular o desenvolvimento local por meio da arte e da cultura.

 

Sobre a Belgo Bekaert Arames

 

A Belgo Bekaert é líder brasileira na transformação de arames de aço desde sua criação, fruto da parceria estratégica no Brasil entre a ArcelorMittal e a Bekaert. A empresa atua nos segmentos de Agronegócios, Cercamentos, Construção Civil, Automotivo, Solda, Aplicações Especiais e Indústria Petrolífera, oferecendo um mix de produtos e serviços que atendem com tecnologia de ponta, confiabilidade e qualidade aos mais diversos perfis de clientes.

Atualmente a empresa possui 9 unidades: 5 em Minas Gerais, sendo duas na cidade de Contagem, e fábricas únicas em Vespasiano, Sabará e Itaúna; duas na Bahia, na cidade de Feira de Santana; e duas em São Paulo, nas cidades de Osasco e Sumaré.

 

Sobre a Fundação ArcelorMittal

Criada em 1988, a Fundação ArcelorMittal atua com o propósito de transformar a vida das pessoas de forma coletiva e participativa, compartilhando conhecimento e inovação, contribuindo para a inclusão e a formação de cidadãos. A Fundação atua em três eixos prioritários: Educação, Cultura e Esporte.

Na área de Cultura, a Fundação atua principalmente no campo da formação e de democratização do acesso às artes. Realiza o Diversão em Cena, maior programa de formação de público para teatro infantil do Brasil, que leva uma programação regular de espetáculos de forma gratuita ou a preços populares para várias cidades do país. Já por meio do programa ArcelorMittal Forma e Transforma, a instituição promove iniciativas com foco na formação de artistas, empreendedores e gestores culturais, além de promover a valorização e desenvolvimento da cultura das localidades, a partir da realização de editais.

Em 33 anos de atuação, mais de 10 milhões de pessoas foram atendidas pelas iniciativas promovidas pela Fundação ArcelorMittal. Saiba mais em: www.famb.org.br

 

Para mais informações sobre a Mostra, visite as redes sociais:

Instagram: @MostraCulturaFSA

Facebook: https://www.facebook.com/mostraculturafsa/

YouTube: www.youtube.com/favelaeissoai/videos

Site: https://www.favelaeissoai.com.br/mostra-diversidade-cultural/

Página com os resultados da pesquisa e livros de Feira de Santana: https://www.favelaeissoai.com.br/mostra-diversidade-cultural/territorios/feira-de-santana/

 

Enviado por Cid Fiuza

Fonte: Assessoria de Comunicação

 

Postar um comentário

Comente aqui

Postagem Anterior Próxima Postagem