9 de mai de 2018

Oficina de Documentário com imagens de arquivo chega a Salvador


Cineasta Mônica Simões (Foto: Carolina Câmara)
A Oficina de Documentário com Imagens de Arquivo, coordenada pela cineasta Mônica Simões, finalmente chega a Salvador, depois das edições de sucesso realizadas nos SESC Consolação e SESC CPF - Centro de Pesquisa e Formação, na cidade de São Paulo, nos últimos meses. A oficina em Salvador acontecerá no Palacete das Artes (Rua da Graça, 289, Graça, tel. 71 3117-6987), nos próximos dias 25 (19h às 21h), 26 e 27 (9h às 12h e 14h às 17h30) de maio. As inscrições estão abertas e são feitas através de contato com o endereço eletrônico monicasimoes1955@yahoo.com.br. Mais informações são obtidas via telefone/whatsapp (11) 96250-7472 ou pelo mesmo endereço eletrônico. O curso tem apoio do Governo do Estado, através do Instituto do Patrimônio Artístico e Cultural (IPAC) e Palacete das Artes (https://museupalacetedasartes.wordpress.com).
“A oficina trabalha com imagens do acervo particular de cada participante, fotografias, filmes ou vídeos”, explica Mônica Simões. Segundo ela, podem ser registros de viagens, festas de aniversário, casamentos, passeios, carnavais e ruas da cidade, dentre outros. “Podem ser imagens de qualquer assunto ou qualquer tema de um passado longínquo ou de um passado mais recente”, completa a cineasta. Ela destaca que o objetivo é provocar a arte de contar histórias através de imagens. “O grande desafio é transformar essas histórias pessoais em histórias universais”, relata. A oficina é aberta a pessoas de qualquer idade e profissão interessadas em memória e audiovisual. Como resultado final cada participante realizará um filme de até 01 minuto e vale lembrar que toda criação será realizada em sala de aula, inclusive a montagem. “Uma oficina onde o processo criativo é coletivo”, diz.

Referência nacional – As oficinas em São Paulo contaram com dezenas de participantes e o ponto alto aconteceu no conceituado SESC/CPF (www.centrodepesquisaeformacao.sescsp.org.br) localizado no bairro de Bela Vista, na capital paulista. O SESC/CPF convidou Mônica especialmente para promover a oficina. Essa unidade do SESC é referência nacional para a formação, reflexão crítica e produção de conhecimentos no Brasil, promovendo cursos, palestras, encontros e debates nas áreas de Educação, Cultura, Arte, Gestão e Mediação Culturais, com cerca de 30 atividades fixas, além de outros cursos e ações.

Com 33 anos atuando como fotógrafa, roteirista, documentarista e cineasta, Mônica Simões é a cineasta baiana com trajetória mais longa e ainda atuante. Já participou de vários festivais nacionais e internacionais, como o de Cinema Latino-Americano em Buenos Aires, na Argentina, e o Women in America Film and Video Festival of San Francisco, nos Estados Unidos, dentre outros. Também foi vencedora de 13 prêmios, como os da ABAP (Associação Brasileira de Agências de Propaganda) por 'Merlin' (1994) e 'Quilombos Urbanos' (1995), os do Festival do filme Etnográfico do Rio de Janeiro por 'Uma cidade' (2001) e 'Negros' (2009), além de Editais como do Centro Cultural Correios por 'Eu sou neguinha? - retrospectiva' (2008) e do Matilde Mattos/Funceb por 'Intervenção Doméstica' (2008), dentre muitos outros.

O último filme de Mônica foi o longa-metragem 'Um casamento' (2017), exibido em salas comerciais das cidades de Salvador, Rio de Janeiro, Brasília e São Paulo. Acesse mais informações sobre Mônica Simões e seus trabalhos: https://goo.gl/cH62Dr. Confira a exposição multimídia e retrospectiva 'Eu sou neguinha?': https://goo.gl/vZekLJ. Conheça o projeto 'Intervenção doméstica' que ganhou o Edital Matilde Mattos/Funceb: https://goo.gl/b1XVWu. Assista aos vídeos produzidos nas oficinas em São Paulo nos SESC Consolação (https://goo.gl/8aD5oc) e CPF (https://goo.gl/11M9nt).

Palacete das Artes – Atualmente considerado um dos mais importantes espaços culturais de Salvador, o Palacete das Artes tem notoriedade por acolher as mais diversas linhas e áreas artísticas de todo o país, promovendo troca de experiências e uma programação democrática e sofisticada, própria para o local onde está instalado. Construída em 1912 para abrigar a família do comendador Bernardo Martins Catharino, a edificação une os estilos eclético e neoclássico. O prédio antigo é composto por quatro pavimentos, enquanto o bloco de dois andares do Salão de Arte Contemporânea (SAC), conta até com uma sala de cinema, onde se dará a ‘Oficina de Documentário com Imagens de Arquivo’ de Mônica Simões. Mais dados: palacetedasartesrodinbahia.blogspot.com.

SERVIÇO

Oficina de Documentário com Imagens de Arquivo
COORDENAÇÃO: 
Cineasta Mônica Simões
ONDE: Palacete das Artes - Rua da Graça, 289, Graça, tel. 71 3117-6987, setoreducativo.palacetedasartes@gmail.com
QUANDO: próximos dias 25 (19h às 21h), 26 e 27 (9h às 12h e 14h às 17h30) de maio de 2018
INCRIÇÕES: através do endereço eletrônico monicasimoes1955@yahoo.com.br
INFORMAÇÕES: tel/whatsapp (11) 96250-7472 ou monicasimoes1955@yahoo.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente aqui

FNO

Sua marca no melhor lugar!