Livro barato é no SubMarino

17 de nov. de 2016

Trupe Mandhala participa de Caravana Tribal Nordeste em Fortaleza


Este ano acontecerá mais uma edição da Caravana Tribal Nordeste, que passou por Feira de Santana em abril, e agora vai para Fortaleza, no Ceará. E a Trupe Mandhala, grupo de Dança Étnica Contemporânea (Dança Tribal) criado em Feira de Santana, participa de mais esta edição, nos dias 19 e 20 de novembro.

A Trupe foi contemplada no Edital de Mobilidade Artística e Cultural da Secretaria de Cultura do Estado da Bahia para participar desta edição da Caravana Tribal Nordeste, e irá acompanhada também pelos bailarinos - Rony Timas Blastoyse, que atua na pesquisa do Tribal Afro Urbano junto a Trupe e também irá ministrar o workshop; Caíque Melo que também irá se apresentar com a Trupe no show; e o grupo Clanáticas Tribal Fusion Dance, formado por alunas da Prof.ª Mary Figuerêdo (integrante da Trupe Mandhala).


Nesta edição, a Trupe leva os workshops Tribal Ritualístico – Dançando os 4 elementos, e Tribal Afro Urbano. E também se apresentará no Show de Gala levando solos, e a coreografia de grupo intitulada Volante Tribal, que traz como temática o sertão na época de lampião, e que utiliza a música Cabrueira, do músico feirense Bruno Bezerra.

Como contrapartida do projeto contemplado, que conta com o apoio financeiro do Governo do Estado, através do Fundo de Cultura, Secretaria da Fazenda e Secretaria de Cultura da Bahia, a Trupe irá realizar posteriormente em sua cidade natal os workshops ministrados na Caravana de Fortaleza de forma gratuita.


SOBRE A CARAVANA TRIBAL NORDESTE

A Caravana Tribal Nordeste é um evento itinerante que existe desde 2009 e busca divulgar e aprofundar os estudos no estilo da Dança Tribal e integra como sede as cidades de João Pessoa sob organização da Cia Lunay, Recife sob organização da Aquarius Cia de Dança, Fortaleza sob organização de Alinne Madelon e Antique Soul Tribal Fusion e Feira de Santana/Salvador sob organização da Trupe Mandhala, recentemente convidada a se juntar ao grupo das organizadoras da Caravana.

O Festival tem sido definitivo para o fortalecimento da cena tribal nordestina. A programação conta com Espetáculo onde se apresentam diversos grupos, além de workshops. Trabalhos de excelente qualidade artística são levados anualmente à Caravana, e há também um foco na pesquisa da fusão do tribal com as danças populares brasileiras de matriz nordestina. O festival já contou também com a participação de atrações internacionais como Mira Betz (EUA), Emine di Cosmo (Buenos Aires) e Anasma (Paris).


Enviado por Mary Figueiredo

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente aqui