16 de ago de 2016

Do souvenir ao vestido de renda: as opções de compras no MAP

Os comerciantes do MAP afirmam que os clientes são do próprio município | Foto: Vinicius Gomes


De vestidos de renda, batas estampadas, blusas com imagens de santos, sandálias e chapéus de couro a redes, souvenir e cerâmicas. No Mercado de Arte Popular é possível comprar desde uma lembrancinha para dar de presente como um vestido para ir a uma festa de aniversário.
As sandálias de couro por sinal chamam atenção. Algumas são do modelo Lampião. “São muito boas essas daí”, afirma o senhor do outro lado do balcão que demonstra ser o proprietário do box. Elas custam de R$ de 28 a R$35.
Os comerciantes do MAP afirmam que os clientes são do próprio município. “Mas, entre os meses de dezembro até o final de fevereiro aparecem alguns turistas de fora”, comentou Maria Gorete Barbosa, que há 20 anos trabalha no local. Ela vende malas, selas e cintos. 
Segundo ela, por conta do período de crise que o país enfrenta, as vendas foram afetadas. “Sem dúvida que o movimento caiu muito. Essa crise prejudicou todo o comércio”, observou. Enquanto isso, os preços dos produtos variam de um box a outro.  

No Mercado de Arte há ainda restaurantes, tabacaria, oficina de joias, cordelista, livraria e fotógrafo. Geralmente aos sábados, as pessoas que vão até ao local contam também com apresentações musicais. 

Fonte: Secom/PMFS

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente aqui