29 de jul de 2016

Conferência discute a relevância do pensamento e filosofia africanos


Trazer para o debate acadêmico o pensamento e filosofia africanos, bem como a relevância das obras de alguns intelectuais africanos, que pensaram a trajetória da Humanidade, cultura, escravidão e Direitos Humanos. Esses são os objetivos da conferência “Cheikh Anta Diop e Frantz Fanon – Teoria e prática para re-humanizar a História da Humanidade”, que será ministrada professor doutor Jacques Depelchin.
A atividade é uma promoção do Centro de Pesquisas da Religião (CPR), do Núcleo de Estudos Afro e Indígenas (NEABI) e do Mestrado em História da Universidade Estadual de Feira de Santana (Uefs), com o apoio da Pró-reitoria de Políticas Afirmativas e Assuntos Estudantis (PROPPAE), e está programada para o dia 1 de agosto (segunda-feira), no auditório 3, localizado no módulo 4 do campus universitário, a partir das 14h30.


Jacques Depelchin é originário da Republica do Congo,um especialista da História e Literatura  Africanas, professor associado de várias universidades dos EUA, África e da Europa. Foi professor visitante do Mestrado em História da Uefs. Autor de obras como “Por Una Recuperacion de la História Africana” e “Silences in African History”. Publicou um capitulo sobre a História da África na coletânea “Cultura, Sociedade e Politica” (UefsEditora/2015). Depelchin é um ativo intelectual, colaborador de várias entidades científicas e na Uefs deu uma relevante contribuição para as pesquisas sobre a cultura africana, sendo um dos fundadores do NEABI.

Fonte: Assessoria de Comunicação Social da Uefs

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente aqui